05 janeiro 2011

absolutamente

Estou numa fase absolutamente cheia. Sem absolutamente tempo para me coçar. E, para além de estar absolutamente cansada, saturada e muitas vezes irritada, não tenho para já, forma absolutamente nenhuma de me libertar disto. Por isso, há que ter calma e respirar absolutamente fundo.


1 comentário:

J disse...

Boa sorte :) *