28 agosto 2012

contrariando


Isto acontece-me com frequência... infelizmente.

2 comentários:

Caroline Godtbil disse...

Sei bem como é... daria qq coisa pra não me importar com o que, neste momento, está corroendo meu coração... mas como fazer isso? Não sei como... simplesmente é mais forte que eu.
Beijo.
Sigo com vc.

Cláudia L. disse...

Caroline Godtbil,
Bem-vinda! :)

Beijinhos