28 setembro 2007

saudadinhas da eshte


Ao fim de 4 anos sempre juntos, já lá vão 7 meses que o curso se acabou.
Depois de um jantar de convívio com 2 das pessoas mais importantes do meu percurso académico, as saudades da escolinha voltam sempre.

Foram 4 anos tão intensos que, apesar de não ter aproveitado o delírio das noitadas e das festas da faculdade, foram anos que agora me fazem olhar para trás e sentir o quão importantes foram (e são) aquelas pessoas e aquela escola para mim.
Foram ‘n’ trabalhos feitos em conjunto, sempre o mesmo grupo, as mesmas pessoas, muitas palhaçadas, algumas divergências, muita criatividade, mas acima de tudo, muita cumplicidade, dedicação e amizade aos molhos.

É um percurso que estará sempre comigo.
Às pessoas que o fizeram comigo, quero-as sempre presentes na minha vida. Preciso delas. São os meus amigos do coração. São 4 e são únicos. DCAM’P sempre em alta.

Luv U all.

6 comentários:

Andorinha (o gajo k nta no meio com cara de parvo) disse...

k bunito :,)

Cláudia L. disse...

Dizem que é no meio que está a virtude...
Estavas com cara de parvo porque nesta altura ainda não sabias como é que ias conseguir viver sem nós... Agora já sabes :( Ohhh.
Beijinhos :)

Anónimo disse...

Mais vale tarde que nunca ;)

Mais importante do que borgas e bebedeiras, é saber que levamos desses quatro anos algo que nos vai acompanhar para sempre. Sinto muito a vossa falta, seja para beber café ou para trocar ideias profissionais, ou simplesmente estar, falar... Felizmente temos conseguido não quebrar esse laço que criamos, apesar dos diferentes caminhos que as nossas vidas estão a tomar. Quem sabe, um dia ainda teremos oportunidade para discutirmos novamente todos juntos a melhor e mais criativa forma de fazer isto ou aquilo... Até lá, que não nos falte emprego, amores e tempo para estarmos mais uma vez juntos na tua casa, a cantar karaoke, comer, rir,...

Beijos,
Dani

Cláudia L. disse...

E eu terei sempre muito gosto em receber-vos em minha casa.

É óbvio que quando cada um tiver a sua casita, é tempo de tirarmos férias da minha, que vocês já conhecem como se fosse a vossa.

Grandes noitadas temos passado por lá.

Como tu dizes: Temos que abrir uma empresa de Eventos. Cada um de nós é bom em algo específico. Será que resultava?

Sempre ouvi dizer que "amigos amigos, negócios à parte!"

Vamos estar sempre juntos. Tenho a certeza. Mesmo que alguns de nós estejam noutros cantos do Mundo.
O lugar no coração é sempre certo.

Anónimo disse...

Daqui a apostrofe....P

Bem estou-me a sentir excluida por ser a única que ainda nao comentei ( o Mané é preto não conta:)).
Pois é...quanto tiramos essa foto já começavamos a sentir aquela nostalgia...e agora já são mm saudades. Mas concordo com a Danes...temos conseguido manter o contacto! Ainda agora tava a chatear a Dani e a ti Claudia pelo mail:)
Que deus de oiça dani...que não falte trabalho e amor...ai ai que isto anda tão mal.lol

Patê

Cláudia L. disse...

O que é preciso é que possamos sempre contar uns com os outros. Como tem sido até agora.
Se houver amores e trabalhos, tanto melhor. Se não, também nos arranjamos.

Quanto ao Mané, ele anda-se a inspirar para escrever umas coisas bonitas. :)